Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página Inicial > Notícias > Plano de Trabalho da Fapema é apresentado no IFMA
Início do conteúdo da página Notícias

Plano de Trabalho da Fapema é apresentado no IFMA

O objetivo da iniciativa é fomentar a participação dos pesquisadores do interior.
  • Assessoria de Comunicação
  • publicado 10/05/2018 18h36
  • última modificação 10/05/2018 18h38

O Instituto Federal do Maranhão (IFMA) Campus Caxias recebeu, na quinta-feira (03), a ação de divulgação do Plano de Trabalho da Fundação de Amparo à Pesquisa e ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Maranhão (Fapema) do ano de 2018,  com o tema “Maranhão de Multiplicidades: Científico, Consciente & Cultural”. O objetivo da iniciativa é fomentar a participação dos pesquisadores do interior do estado nos editais da fundação.

“Pretendemos, com isso, continuar ampliando o processo de interiorização da ciência. Nós entendemos que todos devem participar do processo de produção do conhecimento”, disse o diretor-presidente da instituição, Alex Oliveira, destacando que os polos de ensino superior do interior do estado têm demonstrado grande capacidade de resposta, sobretudo, de execução de uma política de ciência e tecnologia voltada para os interesses do Maranhão. “Os avanços têm possibilitado aos pesquisadores, estudantes e professores de todo o estado, participarem do grande movimento que é a produção da ciência, tecnologia e inovação voltadas para o desenvolvimento do estado e para os interesses daqueles que produzem no Maranhão”, acrescentou Alex Oliveira.

Para João Vyctor Calixto de Oliveira Santos, aluno do curso de Ciências Biológicas, a ação foi importante por mostrar as oportunidades que surgirão esse ano. “Às vezes, nós não sabemos das oportunidades que a Fapema oferece e acabamos perdendo”, frisou o aluno. “Achei bem construtivo e importante esse contato da Fapema com os alunos e professores, pois foi uma oportunidade de conhecer o trabalho desenvolvido por eles e, a partir disso eu, particularmente, tomei conhecimento de editais e oportunidades de desenvolvimento científico que até então eu desconhecia, e pude me atentar também aos editais do meu interesse como aluna e pesquisadora”, avalia a aluna Marisa Vasconcelos Sousa.

Já a aluna Ivonete Maria da Conceição aproveitou a oportunidade para tirar dúvidas. “Além disso, percebi a importância da pesquisa dentro da instituição e a relevância que tem para o Maranhão. Com a pesquisa e sua publicação, podemos levar nosso nome e o da instituição para outros lugares”, ressalta Ivonete.

Além de Caxias, a iniciativa, que foi apresentada em Timon e Codó a pesquisadores, professores, estudantes e à comunidade em geral, mostrou os investimentos do governo do estado nas áreas de ciência, tecnologia e inovação; e os editais que estão abertos no site da fundação, bem como as novas chamadas públicas que serão lançadas ao longo deste ano.

registrado em:
Fim do conteúdo da página