Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
  • Acessibilidade
  • Alto Contraste
  • Mapa do Site
  • PortugueseEnglishSpanishChinese (Simplified)FrenchGermanItalian
Página Inicial > Notícias > Campus discute sobre parcerias com Cáritas Diocesana
Início do conteúdo da página Notícias

Campus discute sobre parcerias com Cáritas Diocesana

Entidades se reuniram para dialogar sobre possibilidades de parcerias e desenvolvimento de projetos com a participação de alunos
  • Assessoria de Comunicação
  • publicado 07/06/2021 11h52
  • última modificação 07/06/2021 11h52

Em reunião realizada de forma virtual, o campus do IFMA em Caxias e a organização Cáritas Diocesana da cidade dialogaram sobre possibilidades de parceria entre as duas instituições. Presente nos cinco continentes com atuação em dezenas de países e territórios, a Cáritas é uma entidade de promoção e atuação social que trabalha na defesa dos direitos humanos, da segurança alimentar e do desenvolvimento sustentável solidário. No Brasil, a Cáritas constitui um organismo da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), e conta com regionais nos estados.

O encontro teve a participação de Taciana Cardoso, da Coordenação Municipal da Juventude, e de Katia Borges, representante da Cáritas em Caxias. Do Campus Caxias, participaram os professores João da Paixão Soares (diretor-geral) e Verônica Meira de Andrade (coordenadora local do Programa Nacional de Educação na Reforma Agrária / Pronera), além de Luis Morais (coordenador local da Bolsa Formação) e Queren Almeida Pires de Lima Ferraz (chefe do Gabinete do Campus Caxias).

Entre os pontos de destaque na reunião, as instituições discutiram sobre projeto de mandiocultura, executado no Povoado Caxirimbu. Segundo Verônica Meira, o projeto, que teve início em abril, servirá para as atividades do curso de Agropecuária e funcionará como vitrine tecnológica para a comunidade. “Nós entendemos a importância desse projeto para a comunidade a longo prazo. Por outro lado, também estamos cientes de que o Pronera encerrará suas atividades ao fim do curso. Por isso, nossa intenção é estreitar os laços com a Cáritas para que a instituição atue, sobretudo, no fomento e assessoria”, pontuou a coordenadora.

Para colocar o projeto da mandiocultura em prática, Verônica Meira explicou que o Pronera buscou parcerias, assessorias e planejamentos, com destaque para a participação dos alunos, atuantes em todas as etapas, desde o planejamento, passando pelas fases do processamento, produção e oferta de um produto/alimento seguro. A gestora informou sobre outros contatos já feitos, inclusive presencialmente, com a equipe da Coordenação Municipal de Juventude de Caxias, que se mostrou muito receptiva às ideias do Pronera. O próximo passo, segundo ela, é buscar a Rede Mandioca no Maranhão, que é assessorada pela Cáritas Brasileira. “A Rede é muito bem-organizada e acreditamos que poderá ser um parceiro no sentido de assessorar, capacitar, desde o plantio, o consumo, até a comercialização dos produtos, se for o caso”, concluiu Verônica Meira.

Durante o encontro do Campus Caxias com a Cáritas, João da Paixão também apresentou as ações instituições do IFMA, destacando a oferta de cursos de formação inicial e continuada. “Acreditamos que a parceria será concretizada. A intenção de diálogo entre essas duas instituições é agregar, somar, mostrar que é possível escrever e reescrever novos capítulos na vida de dezenas de filhos de assentados e de agricultores familiares de Caxias”, pontuou o gestor.

Fim do conteúdo da página